Sistema inovador dá Prêmio Direções à empresa gaúcha

Método String permitiu que a montagem do calçado fosse feita com apenas um
movimento, cortando custos e gerando maior conforto para os colaboradores.

Uma das mais tradicionais fabricantes de calçados do Brasil, a Ramarim recebeu o Prêmio Direções Industriais na categoria Gestão Industrial. Com o case “Sistema de Montagem de Calçado pelo Método String”, a empresa de Nova Hartz/RS,
adotou a metodologia diferenciada para a produção de 10 mil pares de calçados fechados fabricados diariamente em suas quatro unidades fabris – duas na Bahia e duas no Rio Grande do Sul.
Conforme o diretor Industrial da empresa, Edson Kunst, o mercado mundial de
calçados vem sofrendo com o dinamismo das modelagens, com demandas por novidades cada vez mais frequentes por parte do consumidor. Com a necessidade de um maior número de modelagens, os custos com ferramentais de conformação, montagem de bico e montagem de calcanheira ficam cada vez mais onerosos, com mais setups, aumentando o tempo despendido e os custos de produção. “Além dos custos dos ferramentais, também acontecem perdas de produção e de qualidade a cada troca de modelagem nas linhas de montagem, pois cada novo modelo exige a necessidade de refazer ajustar as regulagens dos equipamentos”, explica o diretor.

De acordo com a demanda de maior variedade e redução de custos, a Ramarim desenvolveu, em parceria com a ISA Tecnologia, o método String, que se faz através de um equipamento que une técnicas próprias de modelagem e costura. O processo inovador proporciona a montagem do cabedal do calçado com apenas um movimento, reduzindo drasticamente o tempo de trabalho e trazendo maior conforto ergonômico aos colaboradores. Kunst destaca que o sistema só não é utilizado nos sapatos abertos, como sandálias e chinelos – que fazem parte dos
outros 40 mil produzidos diariamente pela Ramarim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu